Dor nas costas? Cuidado, podem ser cálculos renais

Não é raro encontrar pessoas que sofrem de dores nas costas devido a inúmeros fatores, como a idade, o sedentarismo e a predisposição genética. Mas e quando essas dores se confundem com os incômodos provocados por cálculos renais? É importante saber a diferença para não ter problemas.

POSSÍVEIS CAUSAS DA DOR NAS COSTAS

Quando a dor é nos rins, devido à presença de cálculos, por exemplo, é possível perceber um grande incômodo uni ou bilateral, seguido de dor intensa e aguda na região da lombar. As dores podem ou não ser incapacitantes e tendem a irradiar pela virilha.

Leia também Diminua o sal dos alimentos e viva melhor

A presença de cálculos e micro cálculos nos rins é a principal agente causadora desse tipo de dor. Quando o incômodo está presente em outras áreas das costas normalmente são causadas por outro tipo de problema como má postura, inflamações e até mesmo hérnia de disco.

CÁLCULOS RENAIS NO CORPO

De acordo com especialistas, nem sempre a dor lombar proveniente da presença de cálculos renais tem ligação direta com os movimentos do corpo. Portanto, mesmo em posições comumente confortáveis, o paciente sentirá muita dor, diferente das dores comuns que afetam a coluna, por exemplo.

A cólica renal precisa de atendimento médico e pode causar dor extrema em momentos de crise.

Outros sintomas característicos da dor renal são a mudança de coloração na urina, ardor ao urinar e vômitos. Nesse caso, é preciso ficar alerta e se dirigir a um médico para que esse profissional da saúde possa prescrever o tratamento adequado a cada paciente.

QUAIS AS POSSÍVEIS CAUSAS DOS CÁLCULOS?

Infecções, inflamações, cistos, traumas, trombose e hidronefrose (o acúmulo de urina) são causas possíveis que resultam em dores nos rins. Vale lembrar que as dores renais têm início súbito, podem aparecer inicialmente de forma unilateral e não se alivia ou se intensifica de acordo com a movimentação da coluna. As crises de cólica renal provocam dores agudas muito fortes e o pronto-socorro pode ser a única saída até que os cálculos se movimentem e sejam expelidos na urina.

Leia também Inverno chegando: como cuidar da saúde?

Um má alimentação, com excesso de sódio e ficar muitas horas segurando a urina também ajudam a gerar micro-cálculos que podem vir a ser um problema. É importante manter o organismo bem hidratado para diminuir as chances de sentir dor nos rins.

DIFERENÇAS PARA A DOR NAS COSTAS

Já quando falamos de dores nas costas, mesmo as agudas têm bastante diferença, podendo começar de forma leve ou moderada e se intensificar posteriormente. Dores provenientes de outras questões nas costas não costumam irradiar para as genitálias ou causar ânsia de vômito. As dores nas costas podem ocorrer após muito exercício físico, por exemplo e podem ser aliviadas com medicamentos anti-inflamatórios e relaxantes musculares. Outras fontes de dor que acometem as costas são de origem óssea, muscular, ou por problemas no nervo ciático.

De qualquer forma, ao sentir um incômodo diferente do usual, procure atendimento médico e evite fazer esforço desnecessário. Cuide bem da sua saúde durante toda a vida!

Veja aqui as ofertas perfeitas para você

 

Fonte: Ministério da Saúde | Unidade Nefrológica | Hospital do Rim