Reumatismo: o que você precisa saber

O Dia Nacional de Luta contra o Reumatismo é celebrado no dia 30 de outubro e chama a atenção para a prevenção e os tratamentos disponíveis para esse tipo de doença, pois quando não diagnosticadas, as doenças reumáticas podem impactar significativamente a qualidade de vida.

QUAIS SÃO AS CAUSAS DO REUMATISMO?

As doenças reumáticas, também conhecidas como reumatismo, prejudicam a parte locomotora do corpo, ou seja, os ossos, as articulações, as cartilagens, músculos, tendões e ligamentos. No entanto, quando não são tratadas corretamente, o reumatismo acaba comprometendo partes vitais do organismo, como os rins, olhos, pulmões, intestino e até mesmo a pele.

Veja também Alimentos que restauram a imunidade

Os tipos de doenças reumáticas são muitos, mas as mais comuns são a osteoartrite (ou artrose), a fibromialgia, a osteoporose, gota, algumas tendinites e bursites, além de artrite reumatoide, entre muitas outras, que podem ter ação na coluna vertebral.

ALGUNS SINTOMAS DAS DOENÇAS REUMÁTICAS

Alguns dos sintomas presentes no reumatismo são as dores nas articulações que se estendem por mais de seis semanas. A vermelhidão, seguida de calor e inchaço nas articulações também pode ser motivo de preocupação. Se você já sentiu dificuldade para se movimentar ao acordar ou dores ao esticar os braços sobre a cabeça, pode ser um indício de que algo não vai bem e será preciso consultar um médico para tirar suas dúvidas.

Como passamos grande parte do dia sentados no computador, é importante manter uma rotina de alongamentos e não descuidar dos exercícios físicos. Imagem: iStock

Já que o reumatismo representa um conjunto de mais de 100 doenças do aparelho locomotor, é importante entender que as dores e dificuldades que envolvem as doenças reumáticas são incapacitantes, até mesmo para funções consideradas simples e cotidianas.

 POSSIBILIDADES DE TRATAMENTO

O Sistema Único de Saúde (SUS) oferece os tratamentos possíveis para o reumatismo. Práticas integrativas e complementares, exercícios e terapias físicas, além de tratamento com medicamentos são as formas de começar a tratar o organismo. Há casos de tratamentos específicos para algumas doenças reumáticas, como alguns tipos de artrite, doença de Paget, Doença Falciforme, Lúpus e osteoporose, além de casos osteomusculares, quando há comprometimento dos músculos.

Veja também Síndrome de Burnout: evite esgotamento no trabalho

Atentar para a data de conscientização das doenças reumáticas é de extrema importância. Ainda mais para as pessoas em idade mais avançada, que já possuem desgaste nas articulações e nos músculos. Como forma de prevenir o reumatismo, a prática constante de atividade física é uma grande aliada. É ela que ajuda a melhorar a força nas articulações, para poderem manter os ossos na posição correta.

Cuide da sua saúde todos os dias com nossas melhores ofertas, clique aqui e confira!

 

Fontes: Portal Drauzio Varella | Blog da Saúde | Ministério da Saúde